Com recursos de quase R$ 70 milhões, Amapá poderá ter novo Hospital de Emergências - DoAmapá.com Com recursos de quase R$ 70 milhões, Amapá poderá ter novo Hospital de Emergências - DoAmapá.com

Com recursos de quase R$ 70 milhões, Amapá poderá ter novo Hospital de Emergências



O recurso é fruto de uma emenda de bancada. O novo HE visaria desafogar e melhorar o atendimento da saúde no estado.

Da Redação

A Bancada Federal do Amapá destinou R$ 68.657.021,00 para a construção de um novo Hospital de Emergências (HE) e custeio da saúde do Estado. A intenção é melhorar o atendimento na área e oferecer saúde de qualidade, uma vez que o atual HE recebe pacientes de todo o estado e de ilhas do Pará, e sua estrutura não suporta a demanda.

De acordo com o senador Randolfe Rodrigues (Rede), desde 2011 se insiste na união dos parlamentares para recuperar o hospital que é fundamental para a saúde dos amapaenses. Aproximadamente, 15 mil atendimentos são realizados por mês no local no HE de Macapá.

Este ano, o CRM chegou a interditar uma das salas do HE que apresentavam péssimas condições de trabalho aos profissionais da saúde. (Foto: Divulgação/CRM)

As emendas foram dividias em duas, sendo uma destinada já para o exercício do ano de 2020, no valor de R$30 milhões, para que o Governo do Estado do Amapá construa o novo prédio do Hospital de Emergências. A segunda parte da emenda, no valor de R$38.657.021,00, será para custeio ou seja, a manutenção em despesa na saúde de toda a rede Estadual.

A ideia, segundo destacaram os parlamentares, é incrementar os serviços de assistência hospitalar e ambulatorial, a atenção à saúde da população para procedimentos em média e alta complexidade como ações de assistência para medicamentos necessários destinados ao controle e tratamento de programas específicos de hemodiálise, hipertensão, bem como para o custeio das internações das Unidades de Tratamento Intensivo como vários outras despesas com tratamentos de saúde da população.

Em fevereiro deste ano, o Ministério Público (MP) chegou a pedir a interdição do Hospital de Emergências do Amapá Osvaldo Cruz devido aos graves problemas constatados no prédio, a falta de medicação e as precárias condições de atendimento.

Senador Randolfe Rodrigues em evento na câmara municipal de Santana. (Foto: Doamapa.com)

“O HE é fundamental para o atendimento em saúde do Amapá, mas há anos vem enfrentando problemas e é estratégico o investimento em um novo Hospital. Tenho certeza que o Hospital Universitário, também resultado de emenda de bancada, quando começar a funcionar vai desafogar o HE”, completou o senador.

Unidades Básicas de Saúde

Em Macapá, mais de 50 Unidades Básicas de Saúde (UBS) foram recuperadas recebendo boa parte dos atendimentos que antes eram feitos pelo HE. Com emenda destinada pelo senador Randolfe foram recuperadas as UBSs dos bairros do Muca, Fazendinha e Congós, além da maior Unidade de Macapá, a UBS Dr. Lélio Silva, que tem atendimento 24 horas, bem como a UBS Rosa Moita, no bairro Nova Esperança que está com as obras em andamento. Com recurso destinado pelo senador também foram adquiridos medicamentos e equipamentos para dezenas de UBSs e a unidade básica de saúde fluvial.

Publicado em: 09/11/19


Compartilhe:

Deixe seu comentário